Movimento Varejo

6 dicas de como utilizar o vídeo-marketing no seu negócio

Não perca tempo e comece a usar o vídeo-marketing para melhorar o engajamento da sua marca

O vídeo marketing usa conteúdos audiovisuais com objetivo de atrair novos clientes e fidelizar os velhos fregueses. O seu uso tem crescido bastante nos últimos anos, e isso se deve ao aumento do consumo de vídeos online no mundo todo. Pesquisa realizada pela Wyzowl, uma das líderes mundiais em vídeos explicativos, mostra que as pessoas assistem por volta de 2,5 horas/dia de vídeo online. Para efeito de comparação, em 2018, este número era de 1,5 hora.

Ainda segundo a pesquisa, mais de 99% das pessoas que utilizaram a ferramenta em 2021 dizem que continuarão usando a estratégia em 2022. Ao mesmo tempo, 88% dos entrevistados que apenas consomem os conteúdos desejam ver mais vídeos das marcas em 2022.

As plataformas mais utilizadas pelos produtores de vídeo marketing são: YouTube, Instagram e, no último ano, a adesão ao TikTok vem aumentando bastante. Essa última plataforma pode ser um excelente meio para chegar ao público mais jovem. Lembre-se: para saber como está valendo a pena investir em vídeo marketing, a empresa precisa olhar o engajamento, o número de visualizações e o reconhecimento de clientes e marcas.

Dicas para acertar no vídeo marketing
Confira seis dicas sobre como os pequenos negócios podem fazer vídeos de forma fácil e rápida para as redes sociais:

1. Defina objetivos
O seu desejo é atrair novos clientes? Fidelizar seu público? Aumentar sua visibilidade? Essas perguntas devem ser respondidas antes de começar o processo de criação de conteúdo. É mais fácil fazer algo bem-feito quando se sabe exatamente para que fazer.

2. Crie um projeto
É importante o público identificar o seu produto. Antes mesmo de saber do que se trata, já relacionar a sua marca. Elabore um padrão visual, um modelo padrão de produzir o seu conteúdo. Isso vai aproximar você de seu público.

3. Mantenha a constância
Quanto mais constante você for, melhor será seu engajamento. Mas se lembre também que um número excessivo de vídeos pode gerar um desgaste e até ficar maçante para quem assiste. Encontre um equilibro entre os dois, e você terá sucesso.

4. Seja direto
O público tem acesso a vários conteúdos diferentes por dia, por isso, se o conteúdo for longo, quem está assistindo vai desistir de ver o vídeo por inteiro, principalmente, no Reels do Instgram e no TikTok. As pessoas se dispersam com muita facilidade no momento de lazer. Para evitar isso, seja breve e direto. Quanto mais rápido você passar o que deseja, melhor para você e para quem está vendo.

5. Escute o feedback
Pelas reações nos comentários, pelo número de visualizações e pelo engajamento, você conseguirá saber se o público está gostando ou não do seu conteúdo. Não deixe que essas informações sejam apenas números. Tente entender o que está dando certo, ou errado, e melhore, sempre.

6. Monitore o resultado
Existem várias ferramentas que medem o desempenho, a mais comum delas é o Analytics do Google. Trata-se de um meio gratuito, logo use e abuse desta ferramenta para conhecer o impacto do conteúdo gerado.

*Estagiário sob supervisão de Fernanda Peregrino, editora da Varejo S.A.

Compartilhe:
Relacionadas
Movimento Varejo

Como a locomoção dos brasileiros impacta o varejo?

Confira algumas ideias para incrementar a sua loja e aumentar as vendas, com base nos dados da Pesquisa de Mobilidade Urbana 2022, da CNDL e SPC Brasil. Compartilhe:
Movimento Varejo

Compras públicas já podem ser realizadas de forma 100% digital por aplicativo

Empreendedores de todo o país já têm na palma da mão acesso fácil e eficiente às compras públicas do governo federal. Isso porque o app Compras.gov.br permite que todo o processo de compra na modalidade dispensa de licitação seja realizado de forma 100% digital. Compartilhe:
Movimento Varejo

Abertura de pequenos negócios continua em alta no país

No mesmo período de 2019 e 2020 foram abertos, respectivamente, 762 mil e 843 mil pequenos negócios, respectivamente. Já em 2021, o resultado foi de pouco mais de 1 milhão de novos empreendimentos. Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.