Movimento Varejo

6 dicas para criar conteúdos para os millennials

Alcançar sucesso é uma das coisas mais importantes no negócio. Mas para isso ser contínuo, as marcas precisam ser capazes de adquirir, reter, satisfazer e envolver seus clientes de forma eficaz.

A boa notícia é que cerca de dois-terços da geração conhecida como millennials (ou geração Y) mundial interage com marcas nas redes sociais, segundo relatório da GWI. E por que falar especificamente deles? Porque estudo sobre o perfil dos millennials no Brasil realizado pelo Itaú BBA, banco de investimentos do Itaú Unibanco, mostrou que eles já representam a maioria da população do país (34%) e cerca de 50% da força de trabalho atual – a estimativa é que até 2030 chegue a 70%.

É por essa representatividade e pela perspectiva de tendências futuras que as empresas precisam estar atentas aos hábitos de consumo atuais da geração Y e, assim, obterem insights valiosos sobre as oportunidades do amanhã.

Ignorá-los como consumidores é dar sorte para o azar.

Contudo, existe uma diferença entre atrair os consumidores à medida que eles progridem na jornada do cliente e rejeitá-los por causa de uma abordagem impensada. Se você está mirando a geração Y e quer entender o que realmente a leva a consumir, é melhor estar por dentro de alguns fatos:

A questão é: o conteúdo assume muitas formas, mas o marketing de conteúdo, em sua essência, trata de nutrir e ajudar os consumidores a tomar decisões de compra. Porém, eles não cairão em seu colo sem uma estratégia certa em vigor. A criatividade é a chave, mas para construir o tipo certo de estratégia de conteúdo em torno dos millenials, aqui está o que você deve lembrar:

1) Os insights são a moeda da sua marca
As percepções do consumidor – as verdades reais sobre quem você está querendo alcançar – são a base de qualquer plano de conteúdo sólido. A chave é escolher quais insights ajudarão sua marca a moldar uma narrativa e contar a melhor história para construir credibilidade e aumentar o conhecimento de marca.

Isso significa recorrer a pesquisas que traduzam atitudes, interesses e percepções dos consumidores. É assim que as marcas chegam o mais perto possível do cliente. As empresas que entendem o perfil do seu consumidor estão a meio caminho da estratégia para criar conteúdo atraente, porque sabem exatamente com quem estão falando.

2) A segmentação é o primeiro passo a dar
A primeira etapa do perfil do consumidor é identificar grupos de indivíduos com ideias semelhantes dentro de um grupo geral, ou seja, segmentar o público. Separe-os em grupos menores com interesses semelhantes para obter uma imagem clara de quem são e ampliar seu alcance.

3) Investigue o uso de dispositivos e publicidade
Descubra os dispositivos que os millennials possuem e quais deles comandam a maior parte do tempo. Questione o que motiva a geração a bloquear anúncios e trace uma estratégia com base naquilo que descobrir.

4) Identifique hábitos de consumo de mídia e entretenimento
O seu público da geração Y está consumindo mídia e entretenimento totalmente online ou a mídia tradicional ainda desempenha um papel fundamental em suas vidas? O que os influencia e quem eles seguem online? Que tipo de conteúdo os interessa?

5) Aprenda como eles usam as redes sociais
36% dos millennials dizem que estão nas redes sociais para encontrar conteúdo engraçado ou divertido. Seu público-alvo concordaria? Quais são suas plataformas favoritas? Qual o uso que eles fazem de cada uma? Como sua equipe de profissionais de marketing de conteúdo pode se conectar com esse público?

6) Mapeie a jornada do consumidor
Como a geração do milênio gosta de pesquisar produtos? 37% dos millennials descobrem marcas nas redes sociais. Descobrir os estágios da jornada de um consumidor é crucial. Como sua marca pode moldar seus esforços de marketing de conteúdo para fornecer valor em cada ponto de contato?

As marcas que não conseguem analisar dados robustos do consumidor não podem dizer com certeza no que seu público-alvo está interessado, os desafios que podem enfrentar, a maneira como percebem as coisas e onde gastam seu tempo. Isso significa que seus esforços de criação de conteúdo podem ser desperdiçados.

Você tem duas escolhas claras: pode criar conteúdo pelo conteúdo ou pode infundir sua estratégia com insights poderosos e perceber o efeito no aumento de vendas do seu negócio.

Compartilhe:
Relacionadas
Movimento Varejo

Vendas do comércio varejistas crescem 1,2% e indicam retomada

Segundo a edição de setembro do Panorama do Comércio, depois do recuo observado em junho de 2021, o varejo voltou a registrar um resultado positivo no mês de julho. Compartilhe:
Movimento Varejo

Brasileiros querem fazer turismo nacional

Segundo a pesquisa Tomorrow’s Consumer, divulgada no primeiro dia de Latam Retail Show 2021, quase 60% dos brasileiros entre 60 e 80 anos desejam viajar pelo país Compartilhe:
Movimento Varejo

Abertura da Semana de Alimentação Fora do Lar tem clima de retomada com novidades

Diante de lideranças do setor e do poder público, Abrasel anunciou o Open Delivery, plataforma para facilitar a integração de pedidos que chegam por diversos sistemas. Compartilhe:

1 Comentário

Deixe um comentário para ADEMIR ANTUNES CARVALHO Cancelar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.