Brasília 40°

APAS Show discute o futuro do supermercado

Discursos da abertura destacaram a reforma da previdência

De 6 a 9 de maio, foi realizada, em São Paulo, mais uma edição da APAS Show 2019, maior evento de supermercados do mundo e maior feira de alimentos e bebidas da América Latina. Esta edição contou com 847 expositores, sendo 204 internacionais, vindos de 22 países, além de quatro mil circulantes.

A abertura teve a presença de diversas autoridades, como o governador de São Paulo, João Doria, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, e o deputado federal Eduardo Bolsonaro. O principal assunto dos discursos foi a necessidade da aprovação da reforma da previdência. Segundo o presidente da Associação Paulista de Supermercados (Apas), Ronaldo dos Santos, é necessário manter a meta de economia almejada para que haja efeito positivo na economia.

No fim da cerimônia, foi assinado um acordo com supermercadistas para que sejam oferecidos à população espaços de recolhimento de embalagens e óleo de cozinha recicláveis. A medida faz parte do acordo de logística reversa que está sendo implementado no país.

O presidente da Associação Brasileira de Supermercados (Abras), João Sanzovo Neto, participou da cerimônia e em seu pronunciamento citou a APAS Show como forte aliada no desenvolvimento e evolução do setor. Falou também do tema deste ano como um incentivo a uma reflexão dos empresários sobre a inserção digital no varejo.

“Muitos de nós herdamos, além de um modelo de negócio, a experiência e a sabedoria dos nossos pais e avós, o que nos ajudou bastante durante muito tempo. Mas aí vieram a revolução tecnológica e a pressão para reaprendermos tudo novamente, de outra forma. Esse processo é irreversível e, quanto mais rápido nos adaptarmos, mais chances teremos de oferecer aos nossos clientes a praticidade e comodidade que eles estão buscando”, afirmou.

Sanzovo Neto também reforçou a necessidade da reforma da previdência como fator primordial no equilíbrio fiscal do Brasil e citou a Medida Provisória da Liberdade Econômica, assinada pelo presidente, Jair Bolsonaro, no fim de abril, como um impulso ao empresariado. “É um grande avanço. Estamos dando início a um processo importante de desburocratização, uma das principais demandas da Abras”, sinalizou.

Durante o evento, aconteceu o Congresso de Gestão Internacional, com mais de 70 palestras em torno da temática “SuperHack: Hackeando os Supermercados”. A ideia era proporcionar aos participantes ideias e caminhos para repensar a maneira de existir do supermercado: reimaginar, reinventar e reconstruir a operação, a gestão, os processos e as tecnologias. Saiba mais em https://apasshow.com/.

Compartilhe:
Relacionadas
Brasília 40°

Audiência do Ministério da Justiça debate Lei do Superendividamento

Pouco mais de três meses após as novas regras de prevenção ao superendividamento e de promoção da conciliação entre devedores e credores começarem a valer, os diversos agentes do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor seguem discutindo a regulamentação da lei. Compartilhe:
Brasília 40°

Comissão aprova limite a pagamento de precatórios e mudanças no teto de gastos

Texto aprovado também permite contornar a regra de ouro por meio da lei orçamentária. Compartilhe:
Brasília 40°

Senado aprova auxílio gás para famílias carentes

O projeto de lei (PL) prevê que cada família receba bimestralmente o equivalente a 40% do preço do botijão de gás. O projeto retorna à Câmara. Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.