21 jul, 2024
0 ° C

CDL Conselheiro Lafaiete: mais de 50 anos apoiando o comércio

No CDL em Todo Lugar desta semana, você conhece a CDL Conselheiro Lafaiete, a casa de origem do presidente da CNDL.

Cristo de Conselheiro Lafaiete, um dos principais pontos turísticos da cidade (Foto: divulgação/Prefeitura)

No CDL em Todo Lugar desta semana, você conhece a CDL Conselheiro Lafaiete, a casa de origem do presidente da CNDL

A CDL – Câmara dos Dirigentes Lojistas é extremamente importante para a cidade de Conselheiro Lafaiete (MG), onde o comércio é o principal setor da economia local. A CDL também é relevante para o movimento cedelista: foi na entidade mineira que o atual presidente da CNDL – Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas, José César da Costa, iniciou sua trajetória no Sistema. Costa já presidiu a CDL e, atualmente, é o seu 2º diretor-secretário.

Conselheiro Lafaiete tem 128 mil habitantes, segundo o último Censo, e uma localização estratégica: fica a 100 km de Belo Horizonte – capital de Minas Gerais – e próxima dos centros consumidores da Região Sudeste e dos corredores de exportação de Santos, Vitória e Rio de Janeiro. Isso favoreceu o setor de Comércio e Serviços, que hoje atende a população das cidades vizinhas, sobretudo os trabalhadores das grandes mineradoras do estado.

“A cidade precisou encontrar uma maneira de acompanhar o crescimento dos municípios vizinhos. Concentrar o comércio da região em Lafaiete foi a forma de atrair pessoas para morar na cidade, comercializar por aqui e movimentar a economia local”, conta Edvaldo Thereza, presidente interino da CDL de Conselheiro Lafaiete. “A maior renda de Lafaiete vem do comércio; e o maior empregador da cidade é o comércio. A nossa cidade respira comércio”, acrescenta.

Apoio para o lojista
A CDL surgiu em 1968 e, no início, passou por algumas dificuldades até se firmar. Com o crescimento da cidade e do comércio, a entidade se tornou uma referência na região. “No começo, precisávamos fazer vaquinha para conseguir coisas para a entidade e para os funcionários. Hoje, temos uma sede própria, e estamos pensando em uma maior. Ver onde a CDL chegou é um grande prazer”, diz o presidente, que também vê a liderança do Sistema CNDL por um lafaietense como prova do sucesso da entidade.

“Eu tive a honra de participar da diretoria de José César, quando foi presidente da CDL Conselheiro Lafaiete, e Costa sempre se envolveu fortemente no movimento. Depois, passou pela presidência da FCDL/MG – Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Minas Gerais e, hoje, está à frente da CNDL. É um orgulho para nós”, comenta Edvaldo Thereza.

Segundo o dirigente lojista, o bom desempenho do setor não se deve apenas à localização da cidade. A CDL Conselheiro Lafaiete tem defendido os interesses dos varejistas junto ao poder público e qualificado empreendedores e colaboradores para oferecer um excelente atendimento aos consumidores. “É uma via de mão dupla: a entidade provê organização, apoio aos empresários e sustentação para o Comércio, além de sempre disponibilizar cursos e treinamentos e buscar melhorar o nível dos comerciantes da região”, destaca.

A Câmara de Dirigentes Lojistas também tem uma boa relação com os governantes locais. Com o canal de diálogo entre setor produtivo e o poder público, a entidade tem realizado ações em parceria com a prefeitura e secretarias estaduais, como a de Desenvolvimento e Comércio e a de Cultura. É o caso da tradicional campanha de Natal, por meio da qual são realizadas promoções que movimentam o comércio e beneficiam a população local. “Esperamos que venham ótimos resultados para compensar os dois anos de pandemia, quando o comércio não podia trabalhar com toda a sua força”, finaliza Edvaldo.

Edição: Fernanda Peregrino