16 jun, 2024
0 ° C

Conheça as novidades na busca do Google

Sua empresa está preparada para usar as inovações em inteligência artificial para atrair mais cliente?

Foto: Chinnapong/Shutterstock

Sua empresa está preparada para usar as inovações em inteligência artificial para atrair mais cliente?

O Google está sempre melhorando e inovando suas ferramentas de inteligência artificial (IA) a fim de aperfeiçoar e ampliar a captação de informação, tornando a jornada de busca mais rápida e fácil do que nunca. Ao deixar a IA cada vez mais eficiente, aumentando o nível e a utilidade de suas respostas, a empresa de tecnologia beneficia tanto quem está procurando por informação, quanto quem produz conteúdo.

O último progresso, nesse sentido, anunciado pelo Google foi o Modelo Unificado de Multitarefa (MUM). “O MUM é um salto significativo na capacidade do Google em entender informações e trazer melhores resultados de pesquisa. É um dos primeiros modelos de IA multimodal, o que quer dizer que trabalha com texto, imagem e vídeo simultaneamente”, explica Darshan Kantak, vice-presidente (VP) de Gerenciamento de Produtos do Google Ads.

O próximo passo da empresa é o Google Lens. Essa ferramenta funcionará de maneira que você aponta sua câmera para algo, e a IA será capaz de identificar o problema e direcionar você para uma forma de solucioná-lo.

O VP dá como exemplo um passeio de bicicleta onde as marchas param de funcionar. Nesse caso, o Google Lens será capaz de identificar o problema na bicicleta e irá fornecer uma forma para resolver, como um passo a passo no YouTube, um texto explicando o problema ou te informando onde encontrar um mecânico.

Esse projeto pretende, após a fase de implementação, desenvolver mais facilidades para quem está acessando a plataforma. “Tem um recurso para apontar os momentos chaves no vídeo relacionado ao resultado da sua pesquisa. Assim, você pode economizar tempo, pulando para o momento exato relevante para você”, detalha Darshan Kantak.

Impactos das inovações na forma de anunciar
Com o avanço da inteligência artificial, as formas de fazer sua marca ser “notada” pelo algoritmo tendem a mudar. “É preciso estar pronto para mudanças constantes se quiser ter sucesso neste novo mundo”, afirma o VP do Google Ads.

“Processos manuais e intuitivos tradicionalmente utilizados para encontrar clientes, produzir novos criativos ou otimizar desempenho fazem parte de uma abordagem que será ultrapassada”, garante Darshan. Para ele, nesse momento, uma abordagem ágil, que garanta presença nos resultados em todos os momentos da jornada pode ser o caminho.

Procurando a melhor estratégia para o futuro, as grandes já estão de olhos nas possibilidades que estão por vir. Algumas marcas já estão, inclusive, utilizando a automação em todos os níveis de campanhas de publicidade de busca do Google.

Um exemplo de case de sucesso é a Nespresso que conseguiu, através de palavras-chaves e orçamento flexíveis de acordo com as informações captadas pela inteligência artificial, aumentar suas vendas em 13% nos produtos buscados e 25% nos produtos totais no início da pandemia.

São diversas estratégias surgindo a cada dia para lidar com as inovações, mas o mais importante, para adaptar os anúncios da sua empresa às novas mudanças do Google, é saber para quem você está falando, entender que com as novidades é preciso ser claro e conciso no que será passado e, principalmente, estar disposto a se readaptar às novidades que poderão – e deverão – surgir amanhã.

Com informações do Think With Google.

*Estagiário sob supervisão de Fernanda Peregrino, editora da Varejo S.A.