18 maio, 2024
0 ° C

Estratégias digitais: como o seu e-commerce pode vender mais no Dia das Mães?

Se o seu e-commerce ainda não está preparado para o Dia das Mães, a hora é agora! Este ano, uma das datas comemorativas mais importantes para o varejo (físico e on-line), considerada o Natal do primeiro semestre, será celebrada em 14 de maio. Levando em conta tudo o que a ocasião representa para o consumidor, a sua loja virtual está prestes a se deparar com a melhor chance de alavancar as vendas neste período.

Por Carolina Branchi
Diretora de integração da Dinamize

Foto: divulgação

Se o seu e-commerce ainda não está preparado para o Dia das Mães, a hora é agora! Este ano, uma das datas comemorativas mais importantes para o varejo (físico e on-line), considerada o Natal do primeiro semestre, será celebrada em 14 de maio. Levando em conta tudo o que a ocasião representa para o consumidor, a sua loja virtual está prestes a se deparar com a melhor chance de alavancar as vendas neste período.

Para se ter uma ideia, no ano passado, o Dia das Mães foi responsável por expandir em 15% as vendas do e-commerce em comparação a 2021, chegando aos R$ 7 bilhões de faturamento e ao volume de pedidos de 14 milhões, de acordo com pesquisa da Neotrust. Já entrando no aspecto das pequenas e médias empresas no canal digital, o segundo domingo do mês de maio movimentou R$ 142 milhões, crescimento de 6,8% em relação a 2021, conforme levantamento da Nuvemshop.

Números expressivos demais para serem ignorados, certo? Então, para aproveitar a oportunidade ao máximo, é essencial planejar campanhas, promoções e ações estratégicas. São esses os caminhos que vão te guiar rumo a marcas históricas. Vem comigo que separei seis dicas que prometem garantir os melhores resultados na data em 2023.

Segmentação de leads
Entender o comportamento do público é vital para que uma campanha seja bem-sucedida. Com algumas configurações na sua loja virtual, é possível integrá-lo a ferramentas de automação de marketing que vão proporcionar análises das páginas navegadas pelos seus leads. A partir desses dados, as ações devem ser criadas com base nos conteúdos mais interessantes para sua audiência.

Recuperação de carrinhos abandonados
De acordo com dados da Forrester, apenas com os produtos abandonados no carrinho de compras há a perda de US$ 18 bilhões em receita anual. Para evitar dinheiro jogado fora, a melhor alternativa é criar envios automáticos de e-mail marketing ou de WhatsApp para levar os usuários de volta ao e-commerce para concluir a compra.

Personalização de campanha por e-mail
Ao personalizar e-mails, o conteúdo se torna mais relevante e atraente para os clientes. Isso também mostra que a marca entende as necessidades deles e está atenta aos seus interesses. Por isso, os e-mails orientados com dados obtidos em campanhas anteriores ou provenientes do próprio comportamento do contato, como a partir do lead tracking no site, proporcionam recomendações personalizadas de produtos e descontos específicos para cada consumidor.

Promoções que agregam valor e ações interessantes
Mais do que nunca, as pessoas estão buscando economizar. Então, é fundamental oferecer promoções como frete grátis, principalmente para clientes que não tinham o hábito da compra on-line. Afinal, esse não era um custo considerado em suas compras. Procure ainda cativar o seu público com criatividade, humor e entretenimento. Envolva-o agregando interatividade e personalidade à campanha do Dia das Mães; para isso, experimente explorar os mais diversos canais e mídias.

Saiba quem são os potenciais clientes
Com o auxílio de uma plataforma de automação de marketing, é possível verificar quem está mais perto de se tornar cliente. Ao diferenciar o público, as ações feitas pela sua marca podem ser mais efetivas. Uma forma de fazer esse controle de engajamento é através do lead scoring, que consiste em atribuir pontos para cada interação dos contatos. Por exemplo: quem visualizou o envio de e-mail marketing ganha cinco pontos, quem clicou em um link ganha mais cinco etc.

Mantenha o público fidelizado
Consumidores satisfeitos podem se tornar “evangelizadores”, fazendo mais pessoas seguirem sua marca. Esse tipo de engajamento pode funcionar de forma efetiva nas redes sociais. Além de motivá-los a atrair outras pessoas à sua loja, use os dados cadastrais que tiver deles para promover a aquisição de novos produtos. Incentivos como descontos e itens complementares podem funcionar. Se a sua lista ainda inclui clientes que não estão engajados com a marca, experimente sugerir produtos de valores mais baixos em relação aos adquiridos anteriormente por eles.