Governo encaminha PL do marco legal das startups ao Congresso

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) assinou nesta segunda-feira (19) um projeto de lei para criar uma regulamentação das empresas de tecnologia chamadas de startups. O anúncio foi feito pelo próprio presidente, que divulgou um vídeo por meio das redes sociais.

“O Brasil é o quarto maior mercado digital do mundo. Temos evoluído muito nos últimos meses, mas queremos avançar mais ainda, facilitando o ambiente de negócios. Assim sendo, estamos assinando agora o projeto de lei que trata do marco legal das startups”, disse o presidente, ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do secretário de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos da Costa.

“Pretende-se, por meio dessa medida, melhorar os índices de competitividade e inovação das empresas brasileiras, aumentar o número de novos empreendimentos, promover a geração de renda e de emprego, assim como oferecer bens e serviços inovadores à sociedade brasileira”, informou a Secretaria Geral, em nota.

Assita ao vídeo:

Relacionadas
Brasília 40°

Ministério cria Comitê Gestor de Proteção de Dados Pessoais

O Ministério das Comunicações anunciou a criação do Comitê Gestor de Proteção de Dados Pessoais. Esse comitê vai discutir a atuação do… COMPARTILHAR:FacebookTwitterWhatsAppLinkedIn
Brasília 40°

Programa PEAC Maquininhas beneficia pequenos negócios

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) já aprovou R$ 600 milhões em financiamentos no âmbito do Programa Emergencial de… COMPARTILHAR:FacebookTwitterWhatsAppLinkedIn
Brasília 40°

R$ 10 bi foram movimentados na 1ª semana do Pix

O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, classificou como espetacular a primeira semana do Pix, o sistema de pagamentos instantâneos… COMPARTILHAR:FacebookTwitterWhatsAppLinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.