Movimento Varejo

Leitura: “O mundo pós-pandemia” vai muito além do comércio

Livro lança luz para os efeitos da Covid19 em áreas como as artes, a gastronomia, a televisão e até no humor.

Já não há dúvidas: nosso tempo se dividirá entre o antes e o depois da Covid-19. De fato, dificilmente houve acontecimento tão determinante neste século quanto a pandemia, e as consequências das recentes ações políticas, sanitárias e econômicas ainda mal começaram a ser vislumbradas. O que, portanto, devemos esperar para nosso futuro e o futuro das próximas gerações?

Parte das especulações, interpretações e deslumbramentos sobre o assunto estão no livro “O mundo pós-pandemia”, editado pela Nova Fronteira e organizado pelo advogado José Roberto Castro Neves. Para quem está torcendo o nariz para um tratado repleto de tabelas, gráficos e delírios políticos, pode correr para o abraço. O livro traz 50 textos abordando facetas pouco analisadas no noticiário.

Afinal, em que a pandemia afetará o teatro, a televisão, a gastronomia e até no humor? Sim! Essa bomba vai muito além do comércio e da saúde. E para responder sobre cada uma dessas áreas, José Roberto pinçou texto das maiores feras em atividade como José Bonifácio Sobrinho (falando sobre TV), Fernando Henrique Cardoso (gestão pública), Fernanda Torres (artes), Roberta Sudbrack (gastronomia) e Marcelo Adnet (humor).

Em comum, a ideia de que chegou a hora de sairmos da caixinha e, se possível destruí-la. Repare na observação de Adnet: “Temos a oportunidade de tirar a sociedade contemporânea da tomada e esvaziar os espaços, renovar o ar, revisar as gavetas, os projetos, o sentido da vida — colocar as coisas em seu devido lugar.” Se for para melhor, vamos nessa!

 O mundo pós-pandemia, Nova Fronteira, 416 pp.

Compartilhe:
Relacionadas
Movimento Varejo

Logística reversa: 10 ações que reduzem as devoluções no e-commerce

Segundo dados de uma recente pesquisa da Ebit|Nielsen, atualmente quase 30% das compras online são devolvidas ou trocadas no Brasil. Compartilhe:
Movimento Varejo

O algoritmo está mudando a maneira de consumir e produzir conteúdo?

Com o aumento considerável de opções ao dispor do consumidor, implementar tecnologia e análise de dados nos processos criativos se tornou obrigação das marcas. Compartilhe:
Movimento Varejo

Shoppings estão otimistas e fazem investimentos

O segmento brasileiro de shopping centers aposta na retomada da economia e planeja faturamento de R$ 150 bilhões e a inauguração de mais oito centros comerciais ainda este ano. Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.