Fatos e Dados

Salve os Pequenos ultrapassou a marca de 6 mil negócios

Fatos e Dados

Salve os Pequenos ultrapassou a marca de 6 mil negócios

Lançado no final de março, o projeto Salve os Pequenos (www.salveospequenos.com.br) já conectou seus mais de 6 mil pequenos negócios cadastrados a clientes em potencial em mais de 200 cidades do Brasil. A plataforma já recebeu mais de 250 mil acessos.

O projeto tem como missão conectar pequenos negócios, principalmente aqueles que dependiam – antes da pandemia – de estabelecimentos físicos para fazer suas vendas, com clientes em potencial por meio de uma plataforma online prática e intuitiva, sem a cobrança de taxas. Feirantes, pequenos mercados, docerias, donos de lojas de roupa ou de artigos para festas, por exemplo, podem se cadastrar gratuitamente e fazerem parte do catálogo.

“A crescente nos números reflete a intensa busca das PMEs por alternativas para se manterem ativas. Além disso, o ambiente digital tem sido a opção prioritária para a oferta de produtos e serviços neste momento de isolamento social. Esse período certamente é de adaptação para muitos empreendedores. Por isso, é importante apoiá-los para atravessar esta crise da forma mais saudável possível”, diz Bruno Dilda, diretor de negócios da Azulis, marca do grupo Red Ventures que desenvolveu o projeto.

Compartilhe:
Relacionadas
Fatos e Dados

Sebrae realiza dia 28 palestra com Andrew Penaluna

Britânico Andrew Penaluna será uma das estrelas do Seminário Internacional ConheCER, no próximo dia 28 Compartilhe:
Fatos e Dados

Aplicativo da Receita promete reunir diferentes serviços de acesso

Entre os serviços disponíveis no aplicativo estão o de CPF, declaração do Imposto de Renda, acompanhamento de processos, eSocial, atividades econômicas, bem como realização de agendamento de atendimento e visualização das unidades da Receita. Compartilhe:
Fatos e Dados

Bug das redes sociais atingiu cerca de 70% das MPEs brasileiras

Segundo pesquisa feita pelo Sebrae, sete em cada dez micro e pequenas empresas usam o Instagram, Facebook e Whatsapp para anunciar e efetuar vendas. Instituição mapeia dicas dicas para evitar prejuízos. Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.