Empreendedorismo Jovem

Sebrae firma parceria para incentivar autonomia financeira de mulheres por meio do empreendedorismo

Foto: Agência Sebrae

Assinatura de Acordo de Cooperação Técnica vai viabilizar a realização de Caravanas do programa ‘Brasil Pra Elas’, com apoio também do Senai, Sesi e Senac em vários estados do país

As mulheres de baixa escolaridade, principalmente as beneficiárias do Programa Auxílio Brasil, vão receber o apoio técnico do Sebrae e parceiros para buscar sua autonomia financeira por meio do empreendedorismo. Nesta quarta-feira (25), foi assinado um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) para viabilizar a realização da Caravana “Brasil Pra Elas”, iniciativa que faz parte do programa liderado pela Secretaria Especial de Produtividade e Competividade do Ministério da Economia (Sepec/ME), com apoio do Sebrae, Senai, Sesi e Senac. A ideia é oferecer uma rede de apoio às mulheres com cursos e serviços gratuitos, como abertura de conta bancária e formalização de pequenos negócios, fomentando o desenvolvimento do empreendedorismo feminino local.

O presidente do Sebrae, Carlos Melles, destacou a importância de apoiar as mulheres empreendedoras que possuem grande representatividade no país. Segundo ele, é necessário empoderar as mulheres que tanto sofreram os impactos da pandemia da Covid-19. “Estamos irmanados no ‘Brasil Pra Elas’ para oferecer o suporte que as empreendedoras precisam, pois elas sofreram muito durante a pandemia. Elas foram mães, educadoras, dona de casa, cuidadoras e é necessário dar um “up” por meio das capacitações e diversos cursos”, comentou.

A Caravana ‘Brasil Para Elas’ foi lançada no último sábado em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, com diversas oficinas, capacitações profissionalizantes, atendimento para formalização de pequenos negócios e abertura de conta bancária, entre outras atividades voltadas para estimular o empreendedorismo feminino. O piloto da iniciativa será realizado em mais quatros estados. A próxima parada será em Palmas (TO) no dia 27 de maio; depois em Salvador, no dia 30 de maio; seguido de Macapá (AP) no dia 11 de junho. A expectativa do Ministério da Economia é que 20 mil mulheres sejam capacitadas ao longo de 2022.

Fórum Nacional da Mulher Empresária
A assinatura do ACT entre Sebrae, Sepec/ME, Senai, Sesi e Senac ocorreu durante o lançamento do Fórum Nacional da Mulher Empresária. O grupo será formado por até 30 executivas e tem como objetivo criar e acompanhar estratégias para promover o aumento da diversidade e o surgimento de lideranças femininas no setor empresarial brasileiro. O lançamento do Fórum é uma iniciativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI). O órgão será presidido pela diretora do Grupo Bandeirantes, Mônica Monteiro.

O presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, ressaltou que a criação do Fórum estabelece um marco contemporâneo para promover a diversidade e liderança feminina no ambiente industrial. “As mulheres têm assumido um papel importantíssimo em todos os setores da sociedade e esse empreendedorismo, essa garra, essa inteligência e determinação que as mulheres têm, certamente vai fazer com que a indústria brasileira possa crescer nos próximos anos e voltar a ocupar um lugar mais de mais destaque”, declarou.

Acesso ao crédito
O lançamento do Fórum também foi marcado por discussões sobre temas de interesse das mulheres empresárias, como o acesso ao financiamento, destacando o poder econômico das mulheres empreendedoras. Durante o painel, a secretária Especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, o Daniella Marques, destacou as principais ações do governo federal para construir uma política de crédito empreendedora no país. “Tudo isso é possível por meio da digitalização, desburocratização e agilidade dos processos que construíram os alicerces para iniciativas como a Medida Provisória lançada recentemente que vai alavancar R$ 20 bilhões em crédito para os pequenos negócios, inclusive para os microempreendedores individuais (MEI)”, destacou.

Fonte: Agência Sebrae

Compartilhe:
Relacionadas
Empreendedorismo Jovem

DLI 2022 leva conscientização e desconto para brasileiros

Ações e descontos foram dados, simultaneamente, em mais de 1200 cidades, com mais de 40 mil estabelecimentos comerciais participando do DLI 2022. Compartilhe:
Empreendedorismo Jovem

A conscientização tributária para o crescimento empresarial e o acesso a serviços públicos eficientes

Mais do que analisar os cinco meses os quais os brasileiros pagam tributos aos governos, independente da esfera, seja ela municipal, estadual ou federal, o ponto a ser analisado é a destinação dada aos valores arrecadados. Diante disto, é de tamanha importância a conscientização tributária pela sociedade. Compartilhe:
Empreendedorismo Jovem

DLI 2022 ocorre amanhã, dia 2/6, em todo Brasil

Mais de 40 mil lojas participam da 16ª edição do Dia Livre de Impostos, que promove conscientização sobre o peso tributário e descontos para a população Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.