Destaque

Sistema CNDL socorre às vítimas das chuvas em BA e MG

Arrecadações feitas pela CDL Betim
Foto: CDL Betim

As entidades do Sistema CNDL tem se solidarizado com a população das cidades baianas e mineiras afetadas pelas fortes chuvas, desde o final do ano passado. Diante da gravidade e extensão dos estragos causados pelos temporais, as Federações de Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDLs) e as Câmaras de Dirigentes Lojistas (CDLs) se mobilizaram, e estão disponibilizando espaço físico e serviço de logística para agilizar o recebimento e distribuição de toneladas de mantimentos, material de higiene, água e cobertores, colchões para os desabrigados.

“O Sistema CNDL, composto por duas mil entidades autônomas, tem em sua gênese o espírito do associativismo, e isso também implica em acolher aqueles que necessitam”, diz o presidente da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), José César da Costa. “Nossas entidades estão empenhadas em apoiar às pessoas atingidas pelas chuvas, enchentes e desmoronamentos, estendendo a mão e oferecendo conforto àqueles que perderam seus parentes e lares”.

Minas Gerais
Logo no final de 2021, quando começaram as primeiras chuvas e já vieram os primeiros transtornos, a FCDL-MG mobilizou uma campanha pelas redes sociais e grupos de WhatsApp, pedindo doações em dinheiro para alguns dos municípios afetados. É o caso de Rio Pardo de Minas, Porteirinha e Salinas.

Nesta semana, o presidente da FCDL-MG, Frank Sinatra, encaminhou ofícios ao presidente da República, Jair Bolsonaro, e ao governador de Minas Gerais, Romeu Zema, solicitando atenção especial também aos comerciantes que perderam seus negócios em função das enchentes.

A federação mineira pleiteou a prorrogação dos vencimentos dos impostos, tributos e taxas federais e estaduais, bem como o parcelamento dos valores devidos, para os comerciantes de todos os municípios mineiros afetados pelos temporais. A proposta partiu da CDL Salinas, que realizou levantamento dos prejuízos ao comércio e um plano de ação.

Doação de água mineral feita pela CDL Barreiras
Foto: Instituto CDL

Nesta quinta-feira (13), dirigentes lojistas mineiros realizaram reunião com o vice-governador do Estado, Paulo Brant, e representantes do Serviço Social Autônomo (Servas), da Defesa Civil e das principais entidades do setor produtivo, a fim de discutir formas de oferecer auxílio da iniciativa privada às cidades e cidadãos afetados. A FCDL-MG segue buscando atuar mais efetivamente para ajudar os municípios, através de suas CDLs.

CDLs
Em Betim, mais de 36 mil moradores foram atingidos diretamente pelas fortes chuvas que atingem o município nos últimos dias. Dados da Superintendência de Defesa Civil apontam que mais de 9,2 mil pessoas precisaram ser desalojadas de suas casas e levadas para casas de parentes ou amigos. Cerca de 300 moradores foram encaminhados para abrigos disponibilizados pela prefeitura.

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Betim também está empenhada em ajudar as comunidades atingidas pelas fortes chuvas. Nesta semana, a entidade lançou campanha de arrecadação de donativos, transformando sua sede no principal ponto de coleta de doações. Além dos associados, toda população pode se engajar, doando alimentos não perecíveis, materiais de higiene pessoal e de limpeza, além de utensílios domésticos, móveis e água mineral.

Segundo o presidente da CDL Betim, José de Oliveira Barboza, as doações terão como destino prioritário as comunidades mais castigadas pelos temporais. “O cenário é de catástrofe e nossa missão é contribuir para que nossos conterrâneos retornem para suas casas com o mínimo de estrutura. O setor privado precisar ser parceiro do poder público neste momento”, destaca Barboza.

Em Governador Valadares, cerca de 16 mil pessoas estão desalojadas e 342 desabrigadas, em razão das inundações. A CDL da cidade também está arrecadando e distribuindo colchões, roupa de cama, cobertores, copos descartáveis, materiais de higiene pessoal e de limpeza, e brinquedos para as crianças abrigadas.

“Esse espírito de cooperação é motivo de orgulho para a CNDL. Ao longo dos anos nossas entidades têm mostrado compromisso com o país de diversas formas. Foi assim, mais recentemente na pandemia, e tem sido agora, quando as chuvas causam tantos estragos em nossas cidades”, diz José César da Costa.

A CDL Itabirito se reuniu, ontem (12), com o poder público e outras instituições do setor produtivo, e colaborou com a criação de um plano de ação em apoio aos empresários prejudicados pelos alagamentos e soterramentos. Entre as ações previstas, que terão início na próxima segunda-feira (19), será realizada visita técnica em todas as empresas atingidas pelas enchentes para levantamento dos prejuízos; e criação de estrutura integrada de atendimento, com participação do governo municipal e das entidades representativas, para receber as demandas dos empreendedores vítimas dos temporais.

Bahia
A FCDL-BA promoveu, no final de dezembro, reunião online com os representantes das CDLs do estado para tratar dos efeitos desastrosos provocados pelas fortes chuvas nas cidades baianas. Na oportunidade, ficou decidido a criação de um PIX solidário em nome da Federação, que está sendo divulgado para arrecadar recursos para as cidades alagadas.

Além disso, foi formada uma comissão de presidentes das CDLs e diretoria da FCDL-BA a fim de se reunir com o governador do estado, levando as reivindicações dos empreendedores prejudicados pelas chuvas.

Antes do Natal, a representação lojista da Bahia foi recebida pelo vice-governador do Estado, João Leão, para discutir as expectativas para 2022 e ações específicas para os atingidos pelas enchentes no sul do estado.

“Solicitamos uma atenção especial para os varejistas que estão no Sul da Bahia; e externamos a nossa preocupação com as variantes da covid-19, e oferecemos apoio para juntos manter o Estado protegido”, informou o vice-presidente da FCDL Bahia, Antoine Tawil.

Já a Câmara de Dirigentes Lojistas de Barreiras criou a Campanha S.O.S. Chuva, por meio da qual foram distribuídas aproximadamente 1,5 mil garrafas de águas potáveis para famílias desabrigadas. O intuito é que as doações cheguem a toda Região Oeste, que sofreu com os impactos causados pelas chuvas no último mês. Também distribuiu16 caixas com mais de 530 peças de vestuário e está arrecadando dinheiro para repassar aos municípios atingidos pelas fortes chuvas.

Muitas das cidades na Região Oeste atingidas pelas chuvas não possuem entidades representativas que possam angariar fundos e donativos. “Esse é o papel da entidade, ajudar a quem precisa nesse momento de fragilidade, iniciativas como essa são de grande importância e o comércio da região, que é tão forte, conta com nosso apoio”, disse o presidente Fábio Nogueira.

Como doar

BA
FCDL-BA

PIX (CNPJ): financeiro@fcdlba.com.br

CDL Barreiras
PIX (CNPJ36.200.688-0001-09
Informações: (77) 9 9199-1847
*Também recebe doações de alimentos não perecíveis e produtos de higiene pessoal.

MG
CDL Betim

Rua Vicência Maria de Jesus, 375 – Bairro Jardim da Cidade
Informações: (31) 3539-0000

CDL Porteirinha
PIX (CNPJ): 05.950.314/0001-79

Ong Girassol (Rio Pardo de Minas)
PIX (CNPJ): 07.139.691/0001-58 ()

CDL Salinas
PIX (CNPJ): 05.598.078/0001-73

Com informações das FCDLs e CDLs citadas na matéria.

Compartilhe:
Relacionadas
Destaque

Diferenças entre o Refis, a transação tributária e o Relp

Descubra se vale a pena aderir à Portaria PGNF/ME 214 Compartilhe:
Destaque

CDL Ipueiras: criando oportunidades e construindo o futuro

No CDL em Todo Lugar desta semana, vamos conhecer a CDL Ipueiras, entidade representativa do comércio no interior do Ceará Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.