Movimento Varejo

Fintech Qesh transforma pequenos comércios em lojas virtuais

Foto: justynafaliszek/Pixabay

Com o objetivo de fomentar a economia local, a fintech Qesh lança contas digitais com tecnologia que integra três itens fundamentais para os pequenos comerciantes, principalmente no atual cenário de restrições de funcionamento devido a pandemia do coronavírus: delivery, loja online e cashback, transformando estabelecimentos em lojas virtuais com a mesma tecnologia que possuem as grandes redes varejistas.

“Por meio do aplicativo, com nossa plataforma com tecnologia integrada, os comerciantes podem vender seu produto online, entregar na casa do consumidor com a opção do delivery e fidelizar os clientes com os ‘Conto de Réis’, nome que demos ao cashback, que devolve parte do valor da compra, sistema que segue como forte atrativo para o consumidor”, destaca Cristiano Maschio, fundador e CEO da Qesh. Segundo um relatório da XP Investimentos, divulgado em fevereiro deste ano, a expectativa para 2021 é de um crescimento superior a 32% nas vendas online, sendo que parte desse crescimento do comércio virtual está ligado aos serviços financeiros oferecidos pelas empresas, como o cashback.

Em seu pré-lançamento, a tecnologia da Qesh será a base do projeto científico do professor e economista Luiz Carlos Barnabé de Almeida, idealizador do Banco Digital Sustentável. Já o lançamento será a implementação no Guarujá, Litoral Sul de São Paulo, denominado de “Guaru Digital”. E, em parceria com a Adesiap (Agência de Desenvolvimento Econômico e Social dos Inconfidentes e Alto Paraopeba), a Qesh também está desenvolvendo contas digitais para moradores e empresários das cidades mineiras de Itabirito, Ouro Branco, Congonhas, Nova Lima, Ouro Preto, Moeda, Belo Vale, Jeceaba, Rio Acima, Mariana, Conselheiro Lafaiete e Santa Bárbara. Para o mês de abril, está prevista a implantação da tecnologia em 12 ACEs (Associação Comercial e Empresarial) e em 16 CDLs (Câmara de Dirigentes Lojistas).

Como as cidades de Mariana, Itabirito, Ouro Branco, Ouro Preto e Nova Lima estão localizadas próximas à Serra da Moeda, região de Minas Gerais que, segundo estudiosos, teria abrigado a primeira fábrica de dinheiro no Brasil, ainda nos tempos de colônia, a Qesh optou por nomear o cashback como “Conto de Réis”, nome dado ao equivalente a mil “réis”, moeda que circulou no Brasil entre os anos de 1889 e 1942.

“Os Contos de Réis adquiridos pelos consumidores em Ouro Branco só podem ser utilizados em Ouro Branco, e isso também vale para os demais municípios mineiros ligados à Adesiap. Futuramente, a ideia é que esses Contos de Réis possam ser utilizados entre as cidades unidas pela Adesiap, entidade que promove o crescimento e o desenvolvimento, apoiando empreendedores, empresários e o cidadão comum”, finaliza Cristiano.

Fonte: Diário do Comércio

Compartilhe:
Relacionadas
Movimento Varejo

Vendas do comércio varejistas crescem 1,2% e indicam retomada

Segundo a edição de setembro do Panorama do Comércio, depois do recuo observado em junho de 2021, o varejo voltou a registrar um resultado positivo no mês de julho. Compartilhe:
Movimento Varejo

Brasileiros querem fazer turismo nacional

Segundo a pesquisa Tomorrow’s Consumer, divulgada no primeiro dia de Latam Retail Show 2021, quase 60% dos brasileiros entre 60 e 80 anos desejam viajar pelo país Compartilhe:
Movimento Varejo

Abertura da Semana de Alimentação Fora do Lar tem clima de retomada com novidades

Diante de lideranças do setor e do poder público, Abrasel anunciou o Open Delivery, plataforma para facilitar a integração de pedidos que chegam por diversos sistemas. Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.