Brasília 40°

CNDL debate emprego e renda com Secretaria do Trabalho

O presidente da CNDL, José César da Costa, se reuniu nesta quinta-feira (21) com o Secretário de Trabalho, vinculado à Secretaria Especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Dalcolmo, para tratar da atual situação econômica dos estados e sugerir ações de suporte ao emprego e renda no país.

A reunião aconteceu por videoconferência e contou com a participação da profissional de Relações Institucionais e Governamentais da CNDL, Karoline Lima, e dos assessores do ministério da Economia, Tatiana Vasconcelos, Daniela Pic e Sylvio Medeiros.

O presidente da CNDL apresentou um diagnóstico dos impactos da pandemia da Covid-19 no setor de comércio e serviços e as propostas da Entidade para atenuar os efeitos da crise nas empresas varejistas do país.

Costa destacou a importância da renovação do Programa de Preservação de Renda e do Emprego (BEm), que permite a suspensão de contrato e a redução de jornada e salário do trabalhador e um novo adiamento de pagamentos de tributos federais, além da prorrogação do Simples Nacional nos meses de janeiro, fevereiro e março deste ano.

“O período do Natal, considerado o mais importante para vendas no setor foi duramente impactado pela pandemia da Covid-19”, destacou José César. “Além disso, os empresários acumulam perdas há muitos meses, o que também afetou a abertura de novas vagas de emprego. Sabemos do momento delicado que o país enfrenta, por isso torna-se ainda mais importante que as medidas adotadas no ano passado sejam estendidas para 2021”, afirmou o presidente da CNDL.

Bruno Dalcolmo falou sobre a importância da participação da CNDL e das entidades do setor varejista na construção de propostas de auxílio aos empresários. O secretário destacou a abertura das consultas públicas que reformulam legislações e normativas trabalhistas atuais e afirmou que em breve serão lançados pacotes de medidas de modernização do trabalho e de desburocratização.

“Hoje temos um desfio ainda maior que é o orçamento. Sabemos da dificuldade do governo em manter medidas emergências adotadas no ano passado, mas estamos trabalhando para o lançamento desses pacotes que trarão alívio ao setor”, disse. “É fundamental manter a economia rodando para que o processo de retomada seja efetivo”, destacou Dalcomo.

Compartilhe:
Relacionadas
Brasília 40°

Audiência do Ministério da Justiça debate Lei do Superendividamento

Pouco mais de três meses após as novas regras de prevenção ao superendividamento e de promoção da conciliação entre devedores e credores começarem a valer, os diversos agentes do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor seguem discutindo a regulamentação da lei. Compartilhe:
Brasília 40°

Comissão aprova limite a pagamento de precatórios e mudanças no teto de gastos

Texto aprovado também permite contornar a regra de ouro por meio da lei orçamentária. Compartilhe:
Brasília 40°

Senado aprova auxílio gás para famílias carentes

O projeto de lei (PL) prevê que cada família receba bimestralmente o equivalente a 40% do preço do botijão de gás. O projeto retorna à Câmara. Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.