Tendências e Inovação

5 dicas para o Marketing da próxima década

A experiência de compra nos pontos de venda ganhará mais relevância

Como será o universo do Marketing durante os próximos 10 anos? Esta foi a pergunta que o Google fez para especialistas internacionais em Comunicação e Marketing, buscando entender qual o futuro do setor e de que maneira será a relação entre marca e consumidores.

Com base no levantamento, a Revista Varejo S.A. separou cinco dicas para a sua empresa se preparar para o Marketing de 2032. Confira!

1. Invista na experiência do cliente
Para Kirk McDonald, CEO norte-americano do GroupM, o sucesso da publicidade no futuro se baseará na construção de relacionamentos genuínos com os clientes, com base na confiança, na ajuda e no valor. Por outro lado, a responsabilidade de iniciar algumas ações ficará nas mãos dos empreendimentos, que terão que inovar na experiência dos consumidores.

“À medida que as definições de físico e digital estão cada vez mais próximas, e a experiência do consumidor cada vez mais complexa, as pessoas vão esperar das marcas interações unificadas e sem atrito em mais pontos de contato do que se pode imaginar. Esses pontos de contato, inclusive, precisarão ser construídos sobre os pilares da privacidade, tecnologia, com propósito e sustentabilidade”, explica McDonald.

2. Inteligência Artificial ganhará cada vez mais importância
Yonca Devisoglu, vice-presidente de Marketing do Google EMEA, acredita que as ferramentas vão abrir os caminhos para a relevância. “Eu sempre acreditei no poder da tecnologia para melhorar a vida e desbloquear o potencial humano. Acredito que em 2032 estaremos próximos do que sonho para os anúncios: um mundo onde eles são fontes de informação perfeitamente relevantes e, ao mesmo tempo, atendem aos mais altos padrões de privacidade. A IA, hoje, já entrega muita qualidade e as ferramentas do marketing só continuarão a evoluir”, acredita.

3. Seja uma marca com valores estabelecidos
Alex Schmider, diretor de Representação Transgênero no GLAAD, afirma que a Geração Z valoriza marcas que agem de acordo com seus valores. “É a geração com maior diversidade racial, étnica e cultural – e também a mais queer até hoje. Essa geração será de consumidores adultos em 2032, e eles tem grandes expectativas sobre onde gastam seu dinheiro”, explica.

As marcas deverão ter posicionamentos bem definidos e alinhados a de seus clientes

Além da Geração Z, os Millennials também se importam bastante com as questões de gênero e equidade, e ambas gerações serão de consumidores mais críticas que seus pais e avós. “Acredito que serão vencedoras as marcas que convidam as pessoas a se verem como membros valorizados da sociedade. Até 2032, as marcas bem-sucedidas terão o compromisso de adotar a verdadeira autenticidade ao dizer que são, o que representam e como valorizam e mostram a diversidade. A ideia da “publicidade falsa” não se aplicará mais apenas aos produtos, mas também às identidades de marca”, reforça Schmider.

4. Passe confiança ao seu cliente
Para Simon Kahn, VP de Marketing do Google APAC, os compradores de amanhã se importarão com a confiança gerada na relação entre marca e consumidor. “Os pontos de contato entre marca-cliente serão muito importantes, e cada ponto de contato importará. A relação mudará, não se importará tanto o que uma marca diz, mas sim o que ela faz. Um dos principais fatores a ser trabalhado no futuro é o uso responsável de dados”, diz Kahn.

5. Volte a essência do marketing: a conexão
Marie Gulin-Merle VP Global de Ads Marketing do Google, acredita que o futuro do marketing está diretamente ligado as suas origens: a conexão. “Fico animada com a ideia de um mundo onde campanhas atraentes e impactantes andem de mãos dadas com a privacidade do usuário. Acredito que com o estabelecimento da confiança, o marketing vai voltar à sua essência de conectar marcas e produtos aos consumidores”, ela finaliza.

Com informações de Think With Google.

Relacionadas
Tendências e Inovação

Google Cloud apresenta novas ferramentas de IA para varejistas

Os novos recursos de IA do Google Cloud visam capacitar e-commerces com uma navegação mais moderna, melhores e mais personalizadas experiências de compras on-line, assim como recomendações de produtos.
Tendências e Inovação

Como as startups de varejo vêm transformando o mercado?

Frente a uma nova realidade, não podemos mais negar o auxílio de soluções desenvolvidas justamente para suprir necessidades básicas do varejo e prestar os melhores serviços aos consumidores.
Tendências e Inovação

Os modelos de trabalho que estarão em alta em 2023

Com tantas novidades e tendências no mundo do trabalho, Isis Borge elencou os novos modelos de trabalho que são uma promessa para 2023. Confira e prepare-se!