14 jul, 2024
0 ° C

Dicas para se tornar um e-commerce 5 estrelas no Google

Com a era digital, espaços de avaliação em sites se tornaram um dos termômetros para analisar a credibilidade do negócio

Shutterstock
Dicas para se tornar um e-commerce 5 estrelas no Google

Por Jens Lachenmeier,
CEO da Nordic Green

Um dos principais valores de uma marca é a sua reputação. Com a era digital, espaços de avaliação em sites se tornaram um dos termômetros para analisar a credibilidade do negócio. O Google, por exemplo, destaca-se nesse quesito e as empresas aproveitam a oportunidade para chamar a atenção dos clientes. A plataforma permite que usuários deixem avaliações, comentários e até sugestões de melhorias. Essas interações impactam a página da companhia e a capacidade de vendas.

Pesquisas apontam que a imensa maioria dos clientes e usuários “dá um Google” antes de fazer novos negócios. Somente após receber os resultados da plataforma, os consumidores acessam o site ou a rede social da empresa. Um levantamento da agência de SEO Hedgehog Digital mostra que 93% dos brasileiros fazem alguma busca on-line de informações e que 82% usam o Google para pesquisar conteúdos e informações de produtos. No entanto, tornar-se uma organização cinco estrelas em uma plataforma digital requer compromisso com a satisfação do consumidor e excelência no atendimento.

Diante disso, o principal ponto é oferecer produtos ou serviços que sejam valorizados pelo público-alvo. Existem também outras estratégias rápidas e práticas que podem contribuir ainda mais para uma boa posição no mercado.

Comunicação transparente: a companhia precisa estar disponível para os clientes e ter um suporte on-line para responder dúvidas e perguntas de forma imediata. A comunicação clara e transparente evita mal-entendidos e auxilia na construção da confiança e fidelidade.

Feedback: a empresa deve incentivar os clientes a deixarem avaliações. Demonstre que valoriza o feedback deles, respondendo aos comentários de forma construtiva e proativa.

Resolução de problemas: se surgir algum contratempo, é importante que a companhia resolva de maneira rápida e eficaz. Os clientes apreciam quando suas preocupações são tratadas com seriedade e eficiência.

Boas experiências: entregue além das expectativas para proporcionar uma boa experiência ao cliente. Isso inclui atendimento exclusivo, produtos personalizados e gestos de cortesia.

Equipe preparada: certifique-se de que seu time está bem treinado e que possui as habilidades necessárias para lidar com uma variedade de situações, problemas e clientes.

Tecnologia de ponta: a empresa deve se manter atualizada com as tendências e tecnologias do mercado. Nesse contexto, é importante também estar atento às mudanças e às preferências dos consumidores para evoluir e alavancar as vendas.

Redes sociais: além das avaliações no Google, mantenha presença ativa em outras plataformas relevantes para o setor. Redes sociais são um ótimo caminho para conquistar e fidelizar clientes.

Avaliações positivas: demonstre gratidão aos clientes pelos elogios públicos. Compartilhe mensagens positivas nas redes sociais e destaque o agradecimento em sites ou diretamente com o cliente.

Cliente insatisfeito: nesse caso, o ideal é não pedir avaliação e resolver o problema de forma amigável. Se o comentário negativo já existe, a empresa deve responder com educação. Quando não há solução imediata, é preciso devolver o dinheiro ao cliente.

*Jens Lachenmeier é CEO da Nordic Green, e-commerce que vende conjuntos prontos de plantas verdes em vasos de cerâmica