Movimento Varejo

Expectativa de vendas para o Dia das Mães aumenta no comércio

O Dia das Mães, comemorado no próximo dia 8 de maio, é a segunda data de maior movimentação no varejo, perdendo apenas para o Natal. Neste ano, com o arrefecimento da pandemia, a expectativa é que as vendas sejam ampliadas, por conta do retorno dos consumidores às compras presenciais. Donos de micro e pequenos negócios de todos os segmentos podem aproveitar a oportunidade para lançar promoções, parcerias e demais ações que ampliem os resultados.

De acordo com o gerente de relacionamento com o cliente do Sebrae, Enio Pinto, as datas comemorativas são tradicionalmente uma oportunidade para inovar. Segundo ele, o ineditismo pode se apresentar de diversas formas, não necessariamente com um novo produto. “O cliente compra através de todos os seus sentidos. Então, o aspecto visual da loja, música, ambiente, a possibilidade de acessar, tocar o produto, tudo isso é levado em conta. E sempre que possível, preços diferenciados”, diz.

Ouça reportagem da Rádio Web e confira dicas do gerente Executivo da CNDL para vender no Dia das Mães 2022:

Outro benefício das datas comemorativas, como o Dia das Mães, é a possibilidade de lançar combos e promoções através de parcerias com negócios convergentes para o mesmo público. “Os comércios que estão bem-sucedidos hoje são aqueles que procuram, além de atender às necessidades do cliente, surpreendê-los na realização de seus sonhos. O empreendedor deve ter em mente que dá para ir além”, recomenda Enio. “Uma pessoa que vai comprar um presente, uma joia, um acessório de moda, por exemplo, pode receber um vale ou um estímulo qualquer para um jantar, flores, cesta de café da manhã. É o famoso cross selling, com parceiros externos”, exemplifica o gerente.

Enio Pinto orienta que a equipe de vendas também precisa estar envolvida com esses preparativos, sendo motivada a se engajar nas ações e incentivar os clientes. “É necessário o envolvimento de todo o time com a proposta daquele calendário promocional de vendas. Se possível, que tenham comissões diferenciadas para o momento”, completa.

Expectativas positivas
A empresária Mohara Cristina está com expectativas positivas para as vendas no Dia das Mães esse ano. À frente da loja de roupas femininas MB Showroom, no Instagram como @mbbymoa, ela conta que apostará no cross selling interno, ou seja, vai presentear clientes que consumirem um determinado valor em produtos. “Se o filho ou filha comprar a partir de R$ 400 em peças de roupas para a mãe, leva uma caneca personalizada ou uma bolsa feita especialmente para a data”, adianta.

A empreendedora reforça que as datas comemorativas são sempre um convite à fidelização e encantamento do cliente. “Junto com o presente podemos proporcionar outras realizações e garantir as próximas vendas, construindo uma conexão com essas famílias”, observa. Mohara Cristina ainda vai preparar um café da manhã especial para as clientes que desejarem ir à loja escolher os presentes das mães. “De fato, qualquer compra hoje deve ser uma experiência ao cliente. A compra na loja física tem esses diferenciais que o online não proporciona, então temos que aproveitar”, reflete.

Aprendizados com a pandemia
Para Enio Pinto, as pessoas também precisam estar atentas aos aprendizados que a pandemia deixou. Investindo nos cuidados com a saúde dos seus colaboradores e clientes. “Hoje o cliente está muito preocupado com a questão da higiene dos ambientes, higiene das equipes de venda, cuidados nos processos produtivos e manipulação de produtos e serviços”, afirma.

O investimento em amplos canais de vendas, físicos e digitais, é outro “legado que a pandemia deixou. “Você deve ter a venda presencial no ponto de contato físico, mas se você tiver canais de vendas digitais fará muita diferença. O cliente mais do que nunca hoje é soberano e está empoderado. Se no seu negócio ele tem a opção de comprar tanto online como presencialmente, ponto para você!”, destaca.

Compartilhe:
Relacionadas
Movimento Varejo

Como a locomoção dos brasileiros impacta o varejo?

Confira algumas ideias para incrementar a sua loja e aumentar as vendas, com base nos dados da Pesquisa de Mobilidade Urbana 2022, da CNDL e SPC Brasil. Compartilhe:
Movimento Varejo

Compras públicas já podem ser realizadas de forma 100% digital por aplicativo

Empreendedores de todo o país já têm na palma da mão acesso fácil e eficiente às compras públicas do governo federal. Isso porque o app Compras.gov.br permite que todo o processo de compra na modalidade dispensa de licitação seja realizado de forma 100% digital. Compartilhe:
Movimento Varejo

Abertura de pequenos negócios continua em alta no país

No mesmo período de 2019 e 2020 foram abertos, respectivamente, 762 mil e 843 mil pequenos negócios, respectivamente. Já em 2021, o resultado foi de pouco mais de 1 milhão de novos empreendimentos. Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.