Movimento Varejo

Como criar posts lindos e eficientes

Em um passeio pelas redes sociais mais populares, é possível encontrar imagens belíssimas, mensagens inspiradoras e templates inovadores publicados por grandes marcas. O conteúdo visual pode ajudar a estabelecer a identidade da empresa no mundo virtual e fortalecer a conexão com o público, mas quanto custa o investimento em recursos visuais?

Opções mais viáveis multiplicam-se na internet e pensar em design pode fazer a diferença na hora de divulgar seu negócio e chegar aos celulares, ou melhor, aos corações de todos os seus clientes.

Mais de três bilhões de pessoas são usuários ativos de redes sociais como Facebook, Twitter, LinkedIn e Google+. Então, como aproveitar esse fluxo de pessoas para aumentar seus negócios? A resposta é simples: criando imagens interessantes e envolventes para as redes sociais.

Entre as opções disponíveis, o TAG traz como dica a plataforma Canva (www.canva.com/pt_br/). Atuando recentemente no Brasil, oferece soluções gratuitas e recursos descomplicados para criar posts para as redes sociais. Trata-se de uma ferramenta de design gráfico intuitiva, com recursos de arrastar e soltar que auxiliam na criação de campanhas, disponibilizando uma grande variedade de modelos predefinidos. Vale a pena experimentar.

>> Crie campanhas para redes sociais sem estourar o orçamento

A criação de uma identidade visual e o uso de imagens para campanhas podem ser fáceis e econômicos. A ferramenta Canva disponibiliza uma biblioteca de layouts para redes sociais que podem ser utilizados gratuitamente e quantas vezes quiser. Vale lembrar que um perfil ativo precisa ser atualizado constantemente. Além da biblioteca, com a plataforma é possível baixar fotos premium para criar designs profissionais pagando menos de USD 1 por imagem.

>> Use layouts profissionais

A biblioteca do Canva tem centenas de layouts para redes sociais criados por uma equipe especializada de designers profissionais, que podem ser usados no Facebook, Pinterest, Twitter, Google+ e Instagram. São mais de cem layouts gratuitos disponíveis em poucos minutos.

>> Crie seu próprio layout com imagens de alta qualidade

Se não quiser utilizar um layout predefinido, é possível personalizar seus designs para redes sociais com apenas alguns cliques. Para isso, faça upload dos seus próprios arquivos e altere as imagens. A plataforma disponibiliza um banco de imagens com mais de um milhão de fotos, imagens e ilustrações. Após a imagem, personalize as fontes, escolhendo entre mais de 130 disponíveis. Também é possível modificar o background, escolhendo diretamente na biblioteca ou selecionando uma imagem de sua preferência. Defina as cores do seu texto e das caixas de texto para dar um toque especial.

>> Compartilhe seus designs diretamente nas redes sociais Criada sua campanha, basta clicar no botão “Compartilhar” no Canva para postar o novo design no perfil das redes sociais, como Facebook, LinkedIn ou Twitter.

Relacionadas
Movimento Varejo

WhatsApp no meio empresarial: o poder da mensagem para engajar o cliente

A pandemia acelerou o processo de digitalização das empresas e causou mudanças visíveis no relacionamento entre cliente e marca. Alguns exemplos são o aumento das compras online, o fortalecimento do atendimento omnichannel e a busca pela melhora contínua da experiência do cliente por meio de ferramentas digitais. Nesse contexto, o WhatsApp, aplicativo de mensagens mais usado no Brasil, ganhou destaque.
Movimento Varejo

Transformação digital já é real para mais da metade das PMEs

Segundo estudo da Fundação Getulio Vargas (FGV), pelo portal Terra, dentre as micro e pequenas empresas (MPEs) do país, a transformação digital já está presente em 66% das organizações, conforme o Mapa de Digitalização das Micro e Pequenas Empresas Brasileiras, da FGV, em conjunto com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). Ressalta-se, ainda, que as PMEs são responsáveis por 30% do Produto Interno Bruto (PIB) e por 50% dos postos de trabalho criados no Brasil.
Movimento Varejo

Burocracia na hora de consumir é empecilho para 8 em cada 10 brasileiros

Os brasileiros ainda sofrem com um entrave bem antiquado na hora de comprar bens e serviços: a complexidade para provar quem são. Soluções para agilizar o atendimento ao cliente e finalizar uma compra como biometria, que usa a identificação da digital, ou o reconhecimento facial – também chamada de biometria facial, ainda são pouco utilizadas por empresas de varejo e serviços.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.