Tendências e Inovação

O maior evento de varejo do mundo já começou

A NRF Retail’s Big Show, o maior evento do setor do varejo no mundo, que ocorre todos os anos em Nova York há mais de 100 anos, terá em sua edição de 2021 um formato inédito. Ao invés do tradicional encontro em amplos espaços de conferência e exposições, será dividida em dois momentos diferentes: o primeiro, virtual, começouo nesta terça-feira (12) e segue nos dias 13, 14, 19, 21 e 22. O segundo, presencial, está planejado para ocorrer nos dias 06, 07 e 08 de junho. O motivo, claro é a pandemia da Covid-19.

“A saúde e segurança do nosso pessoal, dos parceiros do setor e dos participantes do mundo inteiro são a nossa maior prioridade. Tendo em vista as preocupações compreensíveis de todos os nossos grupos de interesse com relação à disponibilidade e eficácia de tratamentos ou de uma vacina contra o coronavírus, concluímos que não é viável manter nossa programação original de realizar uma feira de negócios presencial e, por isto, decidimos reimaginar a convenção anual da NRF em 2021”, disse Matthew Shay, Presidente e CEO da NRF. 

Se por um lado a mudança, causada pela pandemia no novo Coronavírus, quebra uma tradição de formato, por outro abre a possibilidade para que milhares de pessoas possam acompanhar palestras de alto nível sem a necessidade de deslocamento para os EUA.

Uma delas é a apresentação de abertura que será feita por Condoleezza Rice, Ex-Conselheira de Segurança Nacional do governo George W. Busch, que vivenciou uma das maiores crises da história norte-americana, que foram os atentados de 11 setembro e a intensificação do combate ao terrorismo que se seguiu, culminando com a Guerra do Iraque.

Rice é referência de liderança em ambiente de crise, assunto extremamente atual e oportuno para o varejo de todo o mundo, além de ser símbolo de luta para redução das desigualdades e o empoderamento das mulheres, outro ponto de atenção nas discussões mais recentes do novo varejo.

A programação do congresso conta ainda com palestras sobre a integração dos canais de venda físico e on-line, tendo em vista um novo comportamento de compra, sob a pressão da pandemia, e discussões sobre inovação, igualdade e sustentabilidade, como já vem ocorrendo nas últimas edições da NRF.

Com um line-up composto por mais de 300 palestrantes, a NRF 2021 contará com presença de líderes de empresas emblemáticas do varejo mundial, tais como: Google, Facebook, Microsoft, Samsung, IBM, Cisco, SAP, Toshiba, Verizon, Alibaba, Salesforce, Adobe, Pinterest, Procter&Gamble, American Express, Deloitte, Ikea, Uber, PepsiCo, Danone, Macy’s, Burberry, Pandora, L’oreal, Starbucks, Walmart, Wallgreens e Wall Street Journal.

As inscrições para a NRF estão abertas no site oficial do evento e pondem ser feitas no link.

Além das palestras, os participantes terão acesso a uma exposição virtual e plataforma de networking. Importante lembrar que as principais palestras possuem tradução simultânea para o português.

Confira a agenda completa na NRF.

Compartilhe:
Relacionadas
Tendências e Inovação

Três aplicações eficientes e modernas que podem melhorar a competitividade do varejo

A tecnologia é capaz de tornar o modelo de varejo mais competitivo e lucrativo, além de garantir que os negócios se atualizem e não sejam excluídos do mercado por falta de inovação. Não à toa, sua aplicação em torno da automação de processos em busca de mais eficiência foi batizada como Quarta Revolução Industrial. E, após tantos avanços, ainda há o que ela pode contribuir para melhorar a competitividade das empresas que compõem o ecossistema do consumo e, também, o setor como um todo. Compartilhe:
Tendências e Inovação

Brasileiros querem comprar mais do comércio local

Levantamento da Plataforma Gente, da Globo, aponta que 71% dos consumidores brasileiros pretendem comprar mais de negócios locais porque querem que eles permaneçam abertos. Compartilhe:
Tendências e Inovação

Instagram é a plataforma digital que mais engaja

O acesso às redes sociais cresceu 31% em 2021 e os brasileiros contabilizaram mais 13,4 bilhões de ações nestes canais. Também foram contabilizados mais de 9,8 milhões de conteúdos produzidos, 19% acima da média de 2020. Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.