Economia e Finanças

SPC: consulta é oportunidade para vender mais e com segurança

O fim do ano é sempre um período de aquecimento da economia com o aumento nas compras e vendas para o Natal. E em 2020 não vai ser diferente. Apesar da pandemia ainda não ter acabado, a expectativa é que aconteça um crescimento de, pelo menos, 2% no faturamento do comércio em relação ao ano passado.

Essa pode ser uma boa oportunidade para o empresário reestabelecer esperanças depois de quase dez meses de incertezas decorrentes do Covid-19 e retomar seus esforços para recuperar também parte do que foi perdido ao longo desse ano.

Nesse sentido, mais do que nunca, agora é hora de o empreendedor procurar mais segurança na hora da venda, seja conhecendo melhor seu cliente ou criando políticas de crédito mais adequadas ao momento.
Soluções de consulta podem ajudar o empresário a vender com mais segurança no Natal

Os produtos de consulta oferecidos pelo SPC Brasil têm um bom potencial para auxiliar proprietários de empresas e comerciantes que desejam realizar uma análise de crédito mais segura e certeira. Através deles, é possível conhecer melhor um cliente para realizar vendas sem correr o risco de fraudes ou mesmo inadimplência. Além disso, permitem avaliar clientes com base em critérios objetivos para parametrizar políticas de concessão de crédito adequadas a eles.

São diversas opções de consulta com dados atualizados que podem beneficiar o empresário, incluindo desde informações como Score ou cheques sem fundos até dados mais específicos, como ações judiciais, renda presumida, limite de crédito sugerido, entre outras informações que podem deixar a simples consulta de registro de inadimplência muito mais completa.

Ao utilizar soluções como essas, o empresário obtém mais segurança em suas transações comerciais, economiza tempo nos processos de concessão de crédito, evita fraudes e inadimplência e, consequentemente, acaba por vender mais,

Com mais informações em mãos, é possível otimizar análises de crédito e alavancar vendas. Mas não basta aumentar vendas sem ter a segurança de obter retorno sobre elas. Por isso investir em consultas pode fazer toda a diferença, uma vez que através delas é possível fazer mais vendas focadas no cliente ideal, ou seja, naquele que cumpre com seus compromissos financeiros.

Num ano de tantas perdas como foi 2020, ter a garantia de estar fechando negócios com mais confiança pode ser a chave para a retomada das vendas e o reaquecimento da economia.

Compartilhe:
Relacionadas
Economia e Finanças

Pequenos negócios geram renda de R$ 420 bilhões por ano

Os pequenos negócios geram renda em torno de R$ 420 bilhões por ano, o equivalente a cerca de um terço do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e serviços produzidos) brasileiro. A estimativa consta do Atlas dos Pequenos Negócios, lançado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que hoje (5) completa 50 anos. Compartilhe:
Economia e Finanças

Negociações com condições diferenciadas são prorrogadas até 31 de outubro

Agora pessoa jurídica pode obter até 65% de desconto e prazo em até 120 prestações. Compartilhe:
Economia e Finanças

Linha de crédito do Pronampe já está disponível para os pequenos negócios

A partir de agora, é necessário compartilhar informações sobre o faturamento da empresa, por meio do Portal do Centro Virtual de Atendimento (Portal e-CAC). Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.