24 jul, 2024
0 ° C

Produtos artesanais: quando o hobbie vira negócio

Conheça a história das proprietárias da OM Velas, que transformaram o gosto por fazer velas em uma empresa com lojas físicas e online, com entrega para todo o Brasil.

Conheça a história das proprietárias da OM Velas, que transformaram o gosto por fazer velas em loja online com entregas para todo o Brasil

Há três anos, em plena pandemia da Covid-19, produzir velas artesanais parecia ser, para as artesãs Viviana Vettorazzi e Bianca Carteri, apenas uma forma de aliviar a ansiedade causada pelas incertezas da doença, até então desconhecida. O que era uma forma de terapia e uma busca por equilíbrio se tornou em uma oportunidade de negócio, e as duas amigas acabaram criando a OM Velas.

Viviana Vettorazzi (E) e Bianca Carteri (D) transformaram o hobbie em empreendimento de sucesso
Foto: divulgação

“Quando começamos, não tínhamos a intenção de ser um negócio. No início, fazíamos (as velas) porque éramos consumidoras. Depois, críamos um canal online para comercializar as velas, que em 2020 ainda não eram difundidas aqui em Farroupilha (RS)”, fala Viviana Vettorazzi.

O nome da marca está relacionado ao som que se faz nas práticas meditativas, o “OM”, chamado de nota primordial do universo. “O artesanato em si é uma forma da gente trazer a calma e tranquilidade. Coloca-se muita energia sobre este trabalho, que traz uma paz interior muito grande”, expressa Bianca Carteri.

O negócio fez sucesso e se tornou uma segunda fonte de renda para as artesãs, que têm outras ocupações profissionais: Viviana é supervisora operacional de e-commerce e Bianca é formada em Comércio Internacional e, atualmente, também é consultora e facilitadora autônoma e voluntária do projeto PorElas, curso 100% gratuito de mentoria profissional para as mulheres.

Juntas somos mais fortes
A primeira plataforma de vendas da OM Velas foi o Instagram, com disponibilidade de entrega para todo o país. O perfil na rede social serviu como um espaço para divulgar os seus produtos, mas também para criar conexão com os consumidores, por meio dos valores e estilo de vida das empreendedoras.

“O que precede qualquer ação estratégica é o sentido. O objetivo da OM Velas foi sempre a autoconexão, autocuidado e autoamor. Portanto, focamos no público que valoriza o ‘ritmo mais natural’”, esclarece Bianca. “A OM Velas resgata o trabalho mais personificado. Tem a nossa expressão ali, além de, resgatar a nossa ancestralidade”, comenta também.

Segundo a artesã, a meta é mostrar que as velas são mais do que um produto, “são resultado de um trabalho atencioso e carinhoso”. “Como consumidoras de velas, vimos o quanto o fogo estimulava a parte visual e os aromas a parte olfativa. Ainda selecionamos mantras para colocar na embalagem. Então, apostamos muito nesse estímulo da autoconexão e do autocuidado”.

A rede social também é um excelente canal para identificar demandas e receber o feedback da clientela, e com isso inovar. “Os feedbacks das clientes nos ajudam a melhorar o nosso trabalho e produtos”, comenta Bianca Carteri.

A OM Velas dá desconto para as clientes que retornam os recipientes das velas
Foto: divulgação

Leia também
Número de artesãos mais que dobrou em 2022

Além de trabalharem com amor e prazer na produção de velas artesanais, as empresárias uniram suas forças e experiências profissionais para impulsionar o negócio. Viviana é responsável pela gestão financeira e administrativa, já Bianca tem ampla vivência no comércio e com a venda de produtos.

Hoje, os produtos da OM Velas são comercializados em PDVs (pontos de vendas) físicos de empresas parcerias. Vale ressaltar que, antes de colocar as velas em comércios físicos, as empresárias realizaram pesquisa de mercado, para saber se era uma boa ideia.

As empresárias ainda investem em práticas sustentáveis: além de os materiais serem 100% naturais e, portanto, biodegradáveis, a OM Velas tem embalagens reutilizáveis. As clientes que entregam o recepiente do produto que comprou anteriormente, ganham desconto na próxima compra com a marca.

“O negócio tem um propósito maior: iluminar e trazer clareza para o mundo. É um meio de compartilhar aquilo que acreditamos”, explica Viviana Vettorazzi.

De acordo com o Future Market Insights, o mercado de velas perfumadas detêm de 30% a 40% da participação no mercado global de velas. Em 2022, movimentou aproximadamente US$ 3,6 bilhões. A expectativa é de que as vendas cresçam 4,1% ao ano, totalizando US$ 5,4 bilhões em 2032.

Reportagem: Mikaella Paiva
Edição: Fernanda Peregrino

*Matéria atualizada nesta terça-feira (12/12), às 12:15.