Deputados aprovam urgência para projeto de igualdade salarial entre homens e mulheres

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (29) requerimento de urgência para o Projeto de Lei 1558/21, que prevê multa para as empresas que pagarem salários diferentes para homens e mulheres na mesma função.

O requerimento foi apresentado pelos deputados Celina Leão (PP-DF) e Hugo Motta (Republicanos-PB). O projeto, do ex-deputado Marçal Filho, foi aprovado pela Câmara e enviado ao Senado, onde sofreu modificações, o que obrigou o retorno à Casa de origem.

“É uma conquista da bancada feminina”, disse Leão. Ela afirmou que o projeto tem apoio da bancada feminina na Câmara.

“Essa lei será mais um passo para acabarmos com as desigualdades entre homens e mulheres no ambiente de trabalho”, disse a deputada Clarissa Garotinho (Pros-RJ).

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Relacionadas
Brasília 40°

Câmara aprova projeto que torna permanente o Pronampe

Em 2020, o programa socorreu cerca de 520 mil micro e pequenos negócios
Brasília 40°

Relatório da reforma tributária é apresentado na comissão mista

O presidente da Comissão Mista da Reforma Tributária, senador Roberto Rocha, concedeu vistas coletivas e deu prazo até sexta-feira (7) para envio de sugestões ao relator, deputado Aguinaldo Ribeiro
Brasília 40°

Lira susta comissão da Câmara sobre reforma tributária

O relator da proposta apresentou seu parecer nesta terça-feira a uma comissão mista criada para que deputados e senadores chegassem a um texto de consenso antes da votação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.