Economia e Finanças

Copom: Inflação persiste, mas economia evolui mais que o esperado

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) informou hoje (22) que o aumento de 0,75 ponto percentual na taxa básica de juros, a Selic, levou em consideração a “persistência da pressão inflacionária” maior que a esperada, sobretudo entre os bens industriais. Apesar da persistência, o comitê identifica tendência de melhora na economia do país. Na última quarta-feira (16), o Copom elevou a Selic de 3,5% ao ano para 4,25% ao ano.
Movimento Varejo

Abilio Diniz: “Momento não é de retomada, mas de explosão na economia”

Em entrevista ao portal Mercado&Consumo, ele falou sobre o momento atual do varejo no Brasil e no mundo. Para Abilio Diniz, daqui para a frente, lojas de grandes superfícies, como as dos hipermercados, não serão mais construídas em grande quantidade. A tendência é que o consumidor dê cada vez mais preferência a lojas de proximidade, menores, mais especializadas.
Economia e Finanças

Copom eleva taxa básica de juros para 4,25% ao ano

O Banco Central (BC) subiu os juros básicos da economia em 0,75 ponto percentual, pela terceira vez consecutiva. A decisão, anunciada nesta quarta-feira (16) pelo Comitê de Política Monetária (Copom), elevou a taxa Selic de 3,5% para 4,25% ao ano. A elevação foi deliberada de forma unânime pelos integrantes do colegiado, que é formado por diretores do BC, e era esperada pelos analistas financeiros.
Integra CNDL

CDL Florianópolis e LIDE SC promovem live sobre educação financeira

A CDL Florianópolis e o LIDE SC realizam, nesta quarta-feira (16), às 19h30, live sobre educação financeira com participação dos especialistas Ana Oliveira e Mateus Bernardino. O objetivo do encontro é alertar a população que a educação financeira está ligada aos comportamentos e hábitos de como as pessoas lidam com o dinheiro. Com isso, para ter uma vida financeira saudável é preciso saber conciliar o equilíbrio com as necessidades momentâneas.
Fatos e Dados

CNDL lança relatório Panorama do Comércio

A Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) lança hoje (10/6) a primeira edição do Panorama do Comércio, relatório mensal dirigido à sua base de representação, às autoridades políticas e aos formadores de opinião. A publicação compila os principais dados econômicos e sociais relacionados ao comércio.
Políticas Públicas

Governo criará Índice de Concorrência dos Municípios Brasileiros

O Ministério da Economia, por meio da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade (SEPEC) e da Secretaria da Advocacia da Concorrência e Competitividade (SEACC), lançou nesta terça-feira (8) a Consulta Pública para formulação do Índice de Concorrência dos Municípios Brasileiros. A iniciativa tem o objetivo de avaliar o ambiente de negócios dos municípios e estimular a melhoria da produtividade e competitividade das empresas brasileiras.
Economia e Finanças

Comércio cresce 1,8% de março para abril, diz IBGE

O volume do comércio varejista brasileiro teve alta de 1,8% de março para abril deste ano. O crescimento veio depois de uma queda de 1,1% observada na passagem de fevereiro para março. Essa é a maior alta para o mês de abril desde 2000. Os dados são da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), divulgada hoje (8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
Brasília 40°

Jair Bolsonaro recebe representantes do Comércio e Serviços

Jair Bolsonaro recebeu na tarde desta segunda-feira (7/6) os presidentes das instituições que compõem a União Nacional das Entidades do Comércio e Serviços (UNECS). No encontro, que também contou com a presença do ministro da Economia, Paulo Guedes, os representantes do setor produtivo defenderam a ampliação das medidas emergenciais que tem garantido a sobrevivência das empresas e da manutenção dos empregos na pandemia.
Políticas Públicas

Marco Legal das startups é sancionado e entra em vigor

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta terça-feira (1º) o projeto de lei complementar que institui o Marco Legal das Startups e do Empreendedorismo Inovador. A medida tem o objetivo de fomentar a criação de empresas inovadoras no seu modelo de negócio, produto ou serviço. A matéria foi aprovada pelo Congresso Nacional no último dia 11 de maio.