Fatos e Dados

Serviços estão 5,4% acima do nível pré-pandemia, mostra IBGE

A queda de 0,2% no volume de serviços prestados no País em fevereiro ante janeiro fez o setor de serviços funcionar em patamar 5,4% superior ao de fevereiro de 2020, antes do agravamento da crise sanitária no País. Em janeiro, os serviços estavam 5,6% acima do pré-covid. Os dados são da Pesquisa Mensal de Serviços, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
Fatos e Dados

Três a cada cinco brasileiros temem o vazamento de dados em compras on-line

De acordo com levantamento realizado pela PSafe, empresa de segurança digital da América Latina, e divulgado no portal da CNN, três a cada cinco brasileiros têm medo de ter os seus dados vazados ao realizarem compras na internet. Das pessoas consultadas (mais de 8.600), 59% apontaram o vazamento de dados como sendo um medo real nessas transações. Além disso, também foi mencionado como alarmante o roubo de dados bancários (52%) – os respondentes podiam escolher mais de uma opção. Na sequência, estão como principais preocupações ter o cartão clonado (48%) e o não recebimento de produtos (48%). Apenas 4,5% relataram não ter nenhum tipo de receio.
Movimento Varejo

Varejo físico: fluxo cresce 28% e eleva expectativa do setor

O atual cenário do Brasil em relação ao varejo físico já está mais otimista. Considerando a diminuição significativa das restrições em relação à pandemia de Covid-19 por conta do avanço da vacinação, grande parte dos brasileiros já estão voltando às ruas para comprar. Porém, tudo isso acontece após um período complicado para os varejistas que viveram um abre-fecha intenso nos últimos anos. Segundo dados da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) divulgados em setembro de 2021, quase 600 mil empresas fecharam as portas desde o início da pandemia. Nesses momentos de instabilidade, muitos encontraram no comércio on-line uma oportunidade para seguir com as vendas. Agora, a reflexão do momento é como atuar com o híbrido, misturando as vantagens do virtual no varejo presencial para oferecer qualidade máxima ao novo consumidor.
Fatos e Dados

Conhecimento da nota de crédito avança e atinge 76% de consumidores, aponta ANBC

Os brasileiros começaram 2022 mais bem informados em relação às suas finanças pessoais. É o que constata a terceira edição da Sondagem Educação Financeira e Nota de Crédito, realizada pela Associação Nacional dos Bureaus de Crédito (ANBC). De acordo com os dados, oito de cada dez consumidores afirmaram saber o que é nota de crédito no começo deste ano – em maio de 2021, no primeiro levantamento da série, o índice era de seis a cada dez.
Opinião

Marketplaces: as vantagens na jornada do consumidor

O e-commerce cresceu muito no Brasil, em especial nos últimos dois anos. A Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) aponta que em 2021 o faturamento do setor foi de R$ 150,8 bilhões, o que significa um aumento de quase 20% em relação a 2020. Em número de pedidos, foram mais de 335,2 milhões, um crescimento de 11%. Esse avanço abre uma oportunidade para os marketplaces. Para 2022, a expectativa é que o e-commerce fature 12% a mais que 2021.
Movimento Varejo

34% dos empreendedores no Brasil são mulheres

Cerca de 10,1 milhões de mulheres empreendem no Brasil, em 2022, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad). Contudo, mais da metade das mulheres começam um negócio por necessidade. A confeiteira Rayane Wents é uma delas. Há um ano, no batizado do filho, a brasiliense mostrou para os convidados suas habilidades com bolos e doces.