Economia e Finanças

Proposta do governo atualiza tabela do IR, mas limita desconto simplificado

A segunda fase da reforma tributária apresentada pelo Poder Executivo propõe mudanças no Imposto de Renda para pessoas físicas, empresas e investimentos financeiros. Somente com a atualização da tabela do IR, que reajusta a faixa de isenção de R$ 1.903,98 para R$ 2.500 mensais, o governo estima que o número de pessoas isentas aumentará em 5,6 milhões, passando de 10,7 milhões para 16,3 milhões. Ou seja, metade dos atuais declarantes, que somam 31 milhões de pessoas. O ministro da Economia, Paulo Guedes, entregou a proposta nesta sexta-feira ao presidente da Câmara, Arthur Lira.
Economia e Finanças

Por que a fórmula de cobrança de impostos do Brasil piora a desigualdade social

Ao longo das últimas décadas, a necessidade de modernizar a estrutura brasileira de impostos, contribuições e taxas tem incessantemente figurado na pauta política como tema urgente. Nesta semana, por exemplo, o Ministério da Economia discutiu com o Senado e a Câmara estratégias para acelerar a votação das propostas de reforma tributária. Para estudiosos do tema, no entanto, nenhuma das reformas até hoje propostas ou apoiadas pelos sucessivos governos buscou atingir o verdadeiro cerne do problema: a fórmula adotada para recolher os tributos, que cobra proporcionalmente pouco dos ricos e muito dos pobres.
Empreendedorismo Jovem

12 mil lojistas participaram do Dia Livre de Impostos 2021

Em 2021, o DLI contou com a adesão de 12 mil lojas em 22 estados e o Distrito Federal. Mais de 15 mil pessoas assinaram ao manifesto online, pedindo pela redução da carga e da complexidade tributária. O site da campanha teve 1 milhão de acessos só ontem (27), dia nacional da mobilização, mas ao longo de maio, quase 2 milhões de pessoas (35% entre 25 e 34 anos) visitaram a webpage para conhecer os produtos livres de impostos. Ao todo, foram cadastrados na plataforma 1672 produtos em mais de 15 categorias.
Empreendedorismo Jovem

PIB do Brasil pode crescer 7% ao ano com reforma tributária, diz Hauly

“O Dia Livre de Impostos (DLI) é o maior puxão de orelha que é dado no governo ao longo de muitos anos”, afirmou Luiz Carlos Hauly, ex-deputado e economista, na manhã desta terça-feira (25), durante o evento oficial online do DLI, realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e a Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem (CDL Jovem). Transmitida pelo Youtube, a live deu largada às ações do DLI, que este ano ocorre na próxima quinta-feira (27) e tem o intuito de conscientizar a população e o varejo sobre a alta carga tributária paga no país.
Empreendedorismo Jovem

Live sobre reforma tributária abre a semana do Dia Livre de Impostos

A Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e a Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem (CDL Jovem) promoveram, na manhã de hoje (25,) grande debate sobre a modernização do sistema tributário brasileiro. Transmitido pelo Youtube, o evento oficial online marcou o início da Semana do Dia Livre de Impostos (DLI), que ocorre até o dia 27 de maio. O presidente da CNDL defendeu uma reforma tributária ampla e calibrada às necessidades dos negócios brasileiros.